Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2017

Etnia e genética dos brasileiros: derrubando mitos

Falar sobre o "tema racial" no Brasil, principalmente hoje, é um "tabu". Mas um, que deve ser quebrado, porque mais do que nunca, simplesmente precisamos. Sempre acreditei que a melhor forma de avanço e evolução, em todos aspectos que competem ao indivíduo ou sua comunidade é usando do confrontamento de si próprio, do alto conhecimento e auto-crítica. Tal como já diziam os socráticos a mais de dois milênios. Algo que o discurso pós-moderno de hoje detesta.
Mas esse alto-conhecimento teria que ser feito de forma a visar a construtividade do ser e do coletivo e não para provar essa ou aquela percepção política ou ideológica, tal como querem os defensores do politicamento correto e de outras vertentes que, hora para derrubar qualquer argumento de orgulho étnico, regional ou identitário se apegam a questão do Brasil ter sido formado por uma mescla de povos e culturas, distorcendo esses desdobramentos, mas quando dentro disso, ao exaltarmos nossas diferenças como símbolo…

A Ave Branca: uma Reflexão sobre o mal do Mundo

"Isto eu vi, esta é uma visão que virá a acontecer. E ainda assim é um aviso, não um destino inexorável. Armai-vos, ó homens, para o próximo derramamento das águas [referência à Era de Aquário]. Sabei disto, pois mostrarei a imagem exata do que então ocorrerá. Coloridas são estas imagens - longínquas, e alarmantes. Seu significado, vós mesmos deveis apreender.
Uma ave branca pairava sobre o mar, próxima à Montanha do Mundo, gentil e pura. Dela não se ouviam queixas, dela não partia nenhum ódio.
Havia também numerosas outras aves ali: menos nobres e sem o branco brilhante. Estas invejavam a ave branca e se juntaram contra ela para não deixá-la jamais pousar: desta forma morreria de fome e exaustão e, uma vez tendo caído morta no mar, ninguém mais se lembraria que uma vez tenha existido no mundo um ser de tamanha brancura e nobreza.
Por muito tempo a ave branca tentou pousar, até que o senso de perigo a forçou a lutar contra todas as outras. Muitas aves foram derrubadas pela ave branc…

Islamização, valores ocidentais e o futuro da América Latina

"Conheci-te a ti mesmo e conhecerás o universo e os Deuses" - Sócrates (Século V a.C.) sobre os portões do oráculo em Delfos. O filosofo já ensinava, falando sobre seu povo, o quanto é importante se confrontar e se conhecer para entender seu lugar verdadeiro e essência.
E oque é ser latino e americano? Nós sabemos o quanto somos distantes. Não somos europeus, nem indígenas ou negros. Somos os últimos netos dos latinos romanos e filhos dos mediterrânicos desbravadores e corajosos, distantes e estranhos aparentados dos mais guerreiros nativos e de servos degredados de terras distantes, primos em dezenas de graus dos povos das terras frias ao norte do globo. Somos orgulhosos e não gostamos que se metam nos nossos assuntos, principalmente se for entre uns com os outros. Os mal governantes precisam sempre de muitas armas para nos manter afastados. Eles temem o dia que isso acabará, pois sabem o quanto nossa ira será cruel ao retomar oque é nosso. Pois somos latinos no sangue e no …

Richard J. Roberts: “Interessa mais à indústria conter o câncer do que curá-lo”

Sir Richard John Roberts é britânico de Derby, nascido numa família da classe operária em 6 de Setembro de 1943. Bioquímico e biólogo molecular. Suas descobertas na estrutura do DNA constituem um dos fundamentos da crescente biotecnologia dos dias de hoje, uma contribuição premiada com o Nobel de Fisiologia e Medicina em 1993. Atualmente é o diretor de pesquisa da New England Biolab, em Massachusetts (EUA). Empresa do ramo de biotecnologia.
Ele já é conhecido por seus ataques contra a indústria farmacêutica e o movimento anti-transgênicos. Esperançoso com relação ao que poderá ser proporcionado pelo CRISPR, Robert é um dos que apoia, contra a fome a agricultura de precisão, um baseamento nos organismos geneticamente modificados (OGM) e sem os problemas do cultivo tradicional.
“Se nunca houve nenhum problema com os transgênicos desde que eles começaram a ser usados 30 anos atrás, por que as organizações e os partidos ambientalistas não admitem que se enganaram?”, pergunta Roberts, divulg…

O que realmente aconteceu em Charlottesville (EUA)

Muito ouvimos falar do fim de semana pra cá dos acontecimentos numa pequena cidade da Virgínia de nome Charlottesville, nos Estados Unidos. A versão contada pela imprensa, quase infinitamente divulgada repetitivamente com muitas alterações é que "supremacistas brancos se reuniram na cidade, promovendo a violência contra negros e outras minorias. Quando a polícia tentou encerrar o encontro, a violência se instalou, produzindo a morte de uma pessoa, além de dezenas de feridos"....Outras mídias foram mais além alertando sobre o "renascimento de grupos fascistas" que demonstram como os EUA estariam caminhando para algum tipo de regime totalitário, com Donald Trump à frente.
Faz sentido? Estaria a América indo para uma invasão fascista? Estamos observando o renascimento da KKK? As eternas auto-intituladas minorias étnicas irão perder seus direitos?
As verdadeiras intenções totalitárias no melhor sentido da palavra se encontram exatamente naqueles que se autoproclamam “ant…
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...