Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2014

Rompendo com a escravidão dos juros

Por G. Feder

Nosso sistema financeiro sofre de uma patologia crônica que provoca a sangria dos recursos produtivos: a exploração do trabalho pelo não-trabalho ou, se preferirem, através da cobrança abusiva de juros bancários. A maior vitória das Altas Finanças foi nos fazer acreditar que a cobrança de juros seja algo perfeitamente “normal”…
Este rompimento significa a única e definitiva libertação do verdadeiro trabalho que está preso aos poderosos das finanças, que dominam o sistema bancário mundial. Romper com a escravidão dos juros significa a reconstrução da livre personalidade, a salvação das pessoas da escravidão e da fascinação mágica de sua alma pelo consumismo ou, melhor dizendo, pelo mamonismo apátrida.



Abaixo segue um trecho do Manifesto pelo rompimento da escravidão dos juros
escrito em 1919, por G. Feder.
“Quem quiser combater o capitalismo, tem que romper com a escravidão dos juros.
É surpreendente constatar, como a ideologia marxista, desde Marx e Engels, começando com o Mani…

Ritalina

Por: Eva Herman
Soa como uma horrível estória de um filme de terror: um psiquiatra norte-americano, internacionalmente famoso, testa em seus pacientes, nos anos 60, diferentes remédios psicotrópicos com a intenção de acalmar as crianças. Quando encontra a pílula adequada com a qual consegue acalmá-las, ele levanta em nome da Organização Mundial da Saúde a agitação das crianças como uma nova doença. Uma nova fonte de renda da rede mundial da indústria médica e farmacêutica. Milhões de jovens em todo o mundo tomam a ritalina há décadas, porque eles teriam a suposta TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade).
Como a indústria farmacêutica destrói premeditadamente nossas crianças
A doença chama-se TDAH. O gigante farmacêutico e outros faturaram bilhões nas últimas décadas com o uso da ritalina. O citado neurologista norte-americano leva o nome de Leon Eisenberg. Todavia a verdade sempre vem à tona, mesmo se às vezes demore um pouco mais. Pouco antes de sua morte em 2009, o mé…

Roman Nikolai Ungern-Sternberg, o "Barão Louco"

Roman Nikolai Fyodorovich von Ungern-Sternberg
Poucos sabem sobre Nikolai von Ungern-Sternberg. Protagonista da Independência mongol, anti comunista e monarquista fervoroso, Nikolai devolveu o trono ao Bogd Khan mongol e lutou durante cinco anos contra os revolucionários bolcheviques.
Um comandante militar anticomunista e nacionalista; um visionário eurasiático e um místico orientalista. Poucos devem ter ouvido falar de Ungern-Sternberg. Mas com certeza muitos sabem algo sobre o "Barão Louco". Gênio militar do início da era soviética, Ungern representou visões aparentemente contraditórias dentro de uma mesma personalidade. Participou da guerra contra os japoneses, serviu na Primeira Guerra Mundial, liderou tropas cristãs contra os turcos otomanos,ajudou no processo de independência da Mongólia e lutou contra os revolucionários socialistas russos. 
PRIMEIROS ANOS
Nascido protestante em uma família Luterana, batizado Roman Nikolai Fyodorovich von Ungern-Sternberg, nascido em 29 de…

Gottfried Feder e a "mágica" da Política Econômica

Natural de Würzburg, Gottfried Feder nasceu em 1883 e foi um dos principais ideólogos alemães que atuou em prol do rompimento da escravidão pelos juros das Altas Finanças. Feder foi conhecido além das fronteiras alemãs e suas ideias estão vivas até hoje. Como engenheiro e economista, Feder concebeu primeiramente a política econômica do DAP (partido que deu origem mais tarde ao NSDAP) e posteriormente foi incumbido por Adolf Hitler para desenvolver o programa do partido NSDAP.
A ideia de Gottfried Feder de rompimento da escravidão financeira fez de uma nação moribunda, um povo feliz

O pensamento de Feder contido em seu “Manifesto para rompimento da escravidão pelos juros” se materializou no programa político do NSDAP. Desde 1919 (ano do ditado de Versalhes e da promulgação da Constituição da República de Weimar), este “manifesto” está no olho do furacão da história contemporânea. A concepção de Feder contra o sistema financeiro e usurário dominante apareceu em sua primeira edição, como r…
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...